Campeonato de Portugal: 25 clubes criticam subidas e descidas

311

Um grupo de 25 clubes em risco de descida no Campeonato de Portugal informou hoje que pretende impugnar a prova, por considerar que o terceiro escalão nacional é uma “mentira” e que será “assaltado pela super-distrital”.

Na nota divulgada, os clubes em causa, representados pelos respectivos presidentes, dão conta que “vão em conjunto encetar um conjunto de medidas de luta para defender os interesses dos seus clubes e a reposição da verdade desportiva”, na busca de “evitar a homologação das respectivas classificações da forma atualmente prevista pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF)”.

O grupo dos ‘aflitos’ da prova acusa o organismo de “criar um fosso de injustiça, que encobre de forma grave a verdade desportiva e a integridade da competição”, depois de ver o regulamento alterado.

Quanto à subida de outros clubes ao Campeonato de Portugal, o comunicado refere que a “maior parte das competições distritais não se disputou, tendo mesmo algumas sido interrompidas em janeiro”, devido à pandemia de covid-19, pelo que possa existir “uma nomeação ou sorteio de subidas sem terem 50% do campeonato distrital realizado, e sem provocar descidas nos mesmos, pervertendo a verdade e a justiça desportiva e financeira entre o Campeonato de Portugal e o Distrital”.

Por fim, o grupo frisa que vai “interpelar” a FPF, deixando a garantia de que “não está disponível para aceitar aquelas alterações regulamentares”, assim como as “consequências graves que as mesmas causarão aos clubes”. Lusa