EWC: FCC TSR Honda vence 12 Horas do Estoril

380

A FCC TSR Honda foi a grande vencedora das 12 Horas do Estoril, 2ª Etapa do Campeonato Mundial de Resistência (EWC), realizada no Circuito do Estoril.

Sob um calor abrasador (algo que é raro nestas paragens), os város pilotos das 30 equipas presentes tiveram que ir aos limites para conseguir uma boa posição no final da prova.

Se à partida os favoritos eram a YART, a Yoshimura SERT e a BMW Motorrad World Endurance Team, os primeiros minutos da prova desmentiram este facto.

Logo no arranque, a YART caiu para a 7ª posição e apesar da BMW MOtorrad World Endurance Team liderar a corrida, a FCC TSR Honda e a WeBike SRC Kawasaki ameaçavam “roubar” o 1º lugar à formação germanica.

Com o passar das horas, o sol começou a ficar mais forte e a temperatura da pista chegou a uns impressionantes 60ºC, obrigando os pilotos a cuidados redobrados.

Neste período quem não teve cuidado acabou por cair e baralhar por completo a classificação da corrida, pois a BMW Motorrad World Endurance Team perdeu a liderança, a YART teve que parar durante bastante tempo na box para reparar a máquina e os pilotos da Yoshimura SERT cairam por duas vezes e afundaram-se no meio do pelotão.

Com tanta confusão, a Kawasaki Ninja ZX-10R (que está sempre fora da lista de favoritos por ter um consumo excessivo de pneus e gasolina) passou a liderar a corrida e parecia ter a vitória nas mãos, mas uma falha nos calculos do reabastecimento deixou a moto parada no meio da pista, o que levou ao abandono.

Quem ficou a ganhar com todos estes azares, foi a FCC TSR Honda que passou para a liderança e começou a calcular tudo com muita minucia para não deitar por terra uma vitória inesperada.

Nos últimos 10 minutos, a WeBike SRC Kawasaki e a VRD Igol Experiences protagonizaram uma luta intensa pela primeiras posições, mas a 5 minutos do fim, Florian Marino não evitou uma saída de pista e deixou a BMW Motorrad World Endurance Team no lugar mais baixo do pódio.

Destaque ainda para o pódio das Superstocks, que foi ocupado pela BMRT Kawasaki (6ª da classificação geral), pela YART (10ª da classificação geral) e pela Yoshimura SERT (17ª da classificação geral).